Guia Kinoforum

Festivais Audiovisuais

Festivais

Exportar em PDF
  1. Festival Internacional Estudantil de Cinema de Barra do Piraí

    O Festival é voltado para estudantes de escolas regulares, compreendendo alunos do 6ª ano do ensino fundamental ao 3ª ano do ensino médio e possui três mostras. Mostra Competitiva Local - Escolas Públicas e Particulares da cidade de Barra do Piraí disputam o festival, concorrendo a premiações em oito categorias: Melhor Áudio, Melhor Arte, Melhor Roteiro, Melhor Direção, Melhor Atriz, Melhor Ator, Melhor Filme e Melhor Filme Júri Popular. Com exceção desta última categoria, todas as demais são julgadas por um Júri Técnico formado por profissionais da área do audiovisual. Mostra Competitiva Nacional - o festival recebe inscrições de escolas de todo o Brasil para competirem ao prêmio de Melhor Filme Estudantil Nacional. São 10 classificados pela curadoria. O Melhor Filme recebe, além de troféu, um prêmio em dinheiro. Mostra Internacional - filmes produzidos por jovens de várias partes do mundo. Não competitiva. O Festival é considerado o "Oscar Estudantil Brasileiro".

  2. Locais de RealizaçãoBarra do Piraí

    Data3 a 9 de dezembro de 2017

    Inscriçõesaté 31 de agosto de 2017

    Contato:Roberto Monzo

     http://www.festcineestudantil.com.br/

  3. Edição Anterior

    Data de realização: 15 a 21 de Maio de 2016

    Premiados: 
    Melhor Áudio
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Caxinguelê (Colégio Construir/Lapis de Cor)
    2º lugar: O depois é agora (Ciep 310 Prof. Alice Aiex)
    3º lugar: O homem que virou filme (Colégio Estadual Senador Paulo Fernandes)
    Indicados: Luz no túnel (Escola Municipal Cortines Cerqueira) e O Aluno do ano (Colégio Estadual Adelino Terra)

    Melhor Arte
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Nos bastidores do amor (Colégio Estadual Dr. Alvaro Rocha)
    2º lugar: O homem que virou filme (Colégio Estadual Senador Paulo Fernandes)
    3º lugar: O depois é agora (Ciep 310 Prof. Alice Aiex)
    Indicados: Caxinguelê (Colégio Construir/Lápis de Cor) e Luz no túnel (Escola Municipal Cortines Cerqueira)

    Melhor Roteiro
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Caxinguelê (Colégio Construir/Lapis de Cor)
    2º lugar: Nos bastidores do amor (Colégio Estadual Dr. Alvaro Rocha)
    3º lugar: O homem que virou filme (Colégio Estadual Senador Paulo Fernandes)
    Indicados: Amor e Fúria (Colégio Estadual Nilo Peçanha) e Luz no túnel (Escola Municipal Cortines Cerqueira)

    Melhor Direção
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Caxinguelê (Colégio Construir/Lapis de Cor)
    2º lugar: Nos bastidores do amor (Colégio Estadual Dr. Alvaro Rocha)
    3º lugar: O homem que virou filme (Colégio Estadual Senador Paulo Fernandes)
    Indicados: Do jeito que eu sempre vi (APAE) e Luz no túnel (Escola Municipal Cortines Cerqueira)

    Melhor Ator
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Lucio Teixeira, pelo filme Do jeito que eu sempre vi (APAE)
    2º lugar: Thauan dos Santos, pelo filme Amor e fúria (Colégio Estadual Nilo Peçanha)
    3º lugar: Weverton de Leon, pelo filme Iguais (Pestalozzi)
    Indicados: Evandro Augusto da Silva Felipe, pelo filme Luz no túnel (Escola Municipal Cortines Cerqueira) e Thauan Alves Pereira, pelo filme Nos bastidores do amor (Colégio Estadual Dr. Alvaro Rocha)

    Melhor Atriz
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Evelyn Mayrink, pelo filme Amor e fúria (Colégio Estadual Nilo Peçanha)
    2º lugar: Alessandra Amaral Soares, pelo filme O aluno do ano (Colégio Estadual Adelino Terra)
    3º lugar: Michelly da Silva Barbosa, pelo filme A lição do brincar (Ciep 428 Municipal Mariana Coelho)
    Indicadas: Elsa Maia Arêdes, pelo filme Eu vi seu nome escrito (Escola Municipal Marieta Vasconcelos) e Lurdinha Nogueira, pelo filme Caxinguelê (Colégio Construir/Lápis de Cor)

    Melhor Filme Júri Popular
    1º lugar, Troféu Dom Quixote: Amor e fúria (Colégio Estadual Nilo Peçanha)
    2º lugar: Guerreiros (Colégio Estadual Prof. Maia Vinagre)
    3º lugar: Do jeito que eu sempre vi (APAE)

    Melhor Filme
    1º lugar, Prêmio Dom Quixote: O homem que virou filme (Colégio Estadual Senador Paulo Fernandes)
    2º lugar: Caxinguelê (Colégio Construir/Lápis de Cor)
    3º lugar: Nos bastidores do amor (Colégio Estadual Dr. Álvaro Rocha)
    Indicados: Amor e fúria (Colégio Estadual Nilo Peçanha) e Luz no túnel (Escola Municipal Cortines Cerqueira)

    Melhor Filme Nacional
    Aí, Cadê Meu Cartão? (E. M. Narcisa Amália – Rio de Janeiro/RJ)

    Menção Honrosa
    Caxinguelê (Colégio Construir/Lápis de Cor) - pela fotografia.